PACIENTE DE COVID-19 É CURADO E DEIXA O HOSPITAL AROLDO TOURINHO SOB APLAUSOS

Um paciente de 57 anos recebeu alta do Hospital Aroldo Tourinho na tarde desta terça-feira, 23/06, após se recuperar da infecção pelo novo coronavírus. Ele estava internado em isolamento desde o dia 15 de junho e foi saudado com aplausos pelos profissionais do HAT durante a saída do hospital.

Laércio Batista dos Santos é natural do estado de Sergipe e estava no norte de Minas a trabalho quando adquiriu a Covid-19. Apresentando os sintomas, ele buscou ajuda no Aroldo Tourinho, onde ficou internado oito dias. Ele chegou com um quadro grave de insuficiência respiratória e sob cuidados médicos rapidamente evoluiu para uma melhora significativa.

“Primeiramente tenho que agradecer a Deus e a todos que aqui estão, como enfermeiros e médicos. Fui muito bem atendido e cuidado com os remédios na hora certa. Só tenho que agradecer muito ao hospital nessa hora que estive longe da minha família; posso dizer que tive um atendimento 100%”, agradece Laércio.

Para os profissionais que atuam na linha de frente no combate ao novo coronavírus, a alta do paciente é uma notícia a ser comemorada, pois celebra o trabalho conjunto dos profissionais que, mesmo correndo o risco de se contaminarem, se dedicam ao cuidado dos internos.

“Esse vírus tem deixado as pessoas sem rumo e receber um paciente, acompanhar a evolução e ver que ele está voltando para casa, é muito gratificante, sentimento de dever cumprido, independente do risco a que nós da linha de frente estamos expostos. O cuidado que temos com o paciente vai além desse risco”, fala a técnica de enfermagem Fernanda Pinheiro de Jesus.

“Diante desse quadro de pandemia com muitas mortes, a gente fica muito contente de ter dado todo o suporte para esse paciente e ele ter se recuperado. É grande a gratidão de fazer parte deste momento”, comenta a médica clínica Laressa Silva Cardoso.

A diretora assistencial do HAT, enfermeira Ana Paula Lopes Santos Guerra, comenta que o hospital é uma das referências no atendimento a pacientes contaminados pelo coronavírus e dedicou uma ala específica para cuidar deste tipo de paciente. “Houve toda uma preparação para momentos como este. Receber pacientes contaminados pelo coronavírus requer uma grande estrutura tanto física e de materiais, quanto de profissionais capacitados”, diz a diretora, que acrescenta: “parabenizamos o Sr. Laércio pela luta e disposição contra a doença e, também, a nossa equipe pelo esforço em lutar a favor da vida. São vitórias como esta que devemos enfatizar, mostrando para a população que é possível vencer”, finaliza.


TAGS:   Bem estar,  News,  Notícias,  Responsabilidade Social,  Saúde